<$BlogRSDUrl$>

domingo, abril 23, 2006

a música e a ironia - 1 

A sua música preferida era um clássico dos U2, "I still haven't found what i'm looking for". Mas não o podia confessar aos seus colegas de trabalho, controladores de tráfego aéreo. LFB

sábado, abril 22, 2006

Dar um tempo 

Pois, parece que foi o que aconteceu, por aqui, pelo DC.
Hoje damos um tempo para fazer um download de uma música que ouviremos uma única vez, damos um tempo para o mecânico se dignar a arranjar a bateria do carro, damos um tempo para recuperar da noite de ontem. Mas não damos um tempo a mais nada. Até porque o tempo, como se sabe, não se dá - paga-se. E a pior coisa que se pode ouvir é a pergunta assassina - vamos dar um tempo? Quem pergunta isso, só quer uma de duas coisas: nunca mais nos ver à frente, o que é a hipótese boa; ou, hipótese má, quer mesmo lixar-nos a cabeça para o resto da vida, o que ainda é bastante tempo.
Nós nunca nos perguntámos se queríamos dar um tempo. E acabámos por voltar. É sempre melhor assim, sem perguntas. Até porque, uma vez por outra, isso dá boas surpresas, ao olhar para o outro lado da cama. As perguntas são quase tão impossíveis quanto as mulheres. Ambas querem respostas. E logo de manhã, de preferência. Mas nada impede que continuemos a desejar casar, o que, creio, apenas implica uma pergunta e uma resposta, ambas escritas e validadas pelos nossos avós.
MR

Como é que se reabre um blogue? 



Indo directamente ao assunto. Informando que, quase três anos depois do fecho do estabelecimento, voltamos a desejar casar. Pelo menos por uns meses. Assumindo que, para além de querermos saber uns dos outros, trazemos um objectivo interesseiro no enxoval da noiva - o lançamento de um livrinho que reúne algumas das coisas que aqui fomos publicando (o Luís, responsável pela selecção da tralha, dirá quando e onde).
Fazendo notar que, se virmos bem, o mundo não mudou assim tanto desde que fechámos a loja: continua a haver solidão, parquímetros e o Mário Crespo.
Como é que se reabre um blogue? Voltando a dar-lhe corda. Enchendo o depósito. Chamando o resto da turma. Arrumando a pistola no saco. Perdendo a vergonha na cara.

NCS

This page is
powered by Blogger. Isn't yours?